Banidos para sempre. Ou, somos todos 322.

 Novidades
  • ACOMPANHE AS NOVIDADES TAMBÉM PELO NOSSO FACEBOOK!

Está chegando ao fim a qualificatória aberta da Major de Shangai e a Valve divulga a lista dos jogadores banidos de suas competições oficiais. O anuncio foi feito antes que esses jogadores tenham o trabalho de passar por toda etapa regional e sejam impedidos de desfrutar dos louros da gloria. Porém, ficam algumas questões: Eles merecem tal punição? O banimento foi muito pesado? O quê é 322?


322

Para que não sabe, o termo “322” surgiu depois que o russo Alexei “Solo” Berezin apostou contra a própria equipe em uma partida oficial conta zRage. O jogador atuava pela extinta rox.KIS e a quantia ganha por ele foi de $322 dólares. A atitude foi descoberta e Solo acabou instantaneamente banido da Starladder, além de ser dispensado da rox. Desde então, a comunidade usa o “322” para se referir a entrega de partidas, roubo, jogadas ruins ou qualquer sacanagem em um jogo profissional.

ban_3221_lasthit

Seguindo para a lista publicada pela Valve, percebemos que os jogadores em questão ficaram famosos no cenário por participar de escândalos de manipulação de resultados entre 2014 e 2015. Algo não muito legal. Como perceberemos, Alexei “Solo” Berezin, que atualmente joga pela Vega Squadron, deu muita sorte de não ser incluso na lista, uma vez que sua “caca” foi feita antes da Valve entrar em ação pela primeira vez.

A empresa foi impiedosa com os envolvidos e todos estão banidos para sempre dos eventos oficiais como Majors e o International. Ou seja, até que o coração pare de bater em seus peitos, eles não poderão demonstrar sua qualidade ou concorrer aos altos prêmios oferecidos. Se pisou na bola, foi a primeira e última vez, mané.


Os Banidos

Os primeiros citados são jogadores da falecida Arrow Gaming, que foram pegos apostando contra si mesmos em uma série contra a Can’t Say Wips. Eles chegaram a criar uma nova equipe chamada Team Redemptiom e pediram desculpas a comunidade, continuando a se apresentar em grandes torneios. Mesmo com o perdão dos organizadores do Beyond the Summit, a equipe permanece afastada dos torneios da Valve.

10415-arrow-810-image

A Mineski-X foi a segunda afetada, a equipe foi forçada a encontrar um substituto para Mark Anthony “Jacko” Soriano, pois o jogador figurava na lista de banidos desde o caso Mineski/MSI-EvoGT. A Mineski anunciou através das redes sociais que o ex-jogador da 5eva, Adrian “Ysaera” Wui substitui Jako nas qualificatórias regionais e não foi esclarecido como fica a situação dentro da organização.

A Execration, equipe que recebeu um convite direto para a qualificatória regional, também teve de encontrar um substituto, pois Mark “BYB” Gavin está na lista. Assim como Jacko, o rapaz fez parte do esquema de manipulação de resultados em 2014 e acabou banido indefinidamente.

Além desses jogadores, foi banida a equipe vietnamita Aces Gaming. Apesar de não ter uma formação completa, alguns jogadores confessaram manipular resultados e receberam a punição.

A lista completa pode ser encontrada abaixo:

Jogadores do esquema Mineski/MSIEvoGT:

Ph Mark Anthony “Jacko” Soriano
Ph Richard “Paseo” Minowa
Ph Joven “jvn” Pancho
Ph Patrick “JyC” Pascua
Ph Denver “yNd” Miranda
Ph Mark “Byb” Gavin
Ph Carlo “Chin/ShenRui” Rivera
Ph Jo “Jotan” Tan

Team Redemption (ex-Arrow Gaming)

My Fua “Lance” Hsien Wan
My Goh “MOZuN-” Choo Jian
My Chiok “XiangZai” Soon Siang
My Kok “ddz” Yi Liong
My Kelvin “MtR” Chong

Aces Gaming

Viet Viet Thanh “Misa” Nguyen
Viet Trunk Hieu “Sph” Nyugen
Viet Duc Trung “Kua” Nyugen

Por hora, a Valve focou em casos de manipulação de resultados em sites de aposta. Porém, a profissionalização dos e-sports deve trazer regras mais específicas e um escopo gigante de “crimes” a serem investigados. Infelizmente, o cenário sul americano ainda não foi visado pela empresa e ficam impunes casos de roubo de itens cosméticos, mmr job, aliciamento de jogadores, etc. Que isso mude logo. Boa sorte e Bons jogos.


Acompanhe todas as notícias do cenário competitivo com o Last Hit

    

Pular para a barra de ferramentas